sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Fica para amanhã ou depois.

Hoje estou cansado,
Estou mesmo muito cansado.
Que me desculpes tu que esperas mais
Que me perdoes as ausências
Mas isto de acordar cansa.
Vou procurar roubar tempo ao tempo
E fazer-me útilidade
Vou deixar-me reabsorver
E roubar-me ao marasmo.

Bem, amanhã ou depois
Dir-te-ei alguma coisa,
Porque hoje nada me sai.

8 comentários:

Menina de Angola disse...

Ahhh se vc estivesse aqui..

Mas não está...

João Paulo Toledo disse...

Parabéns pelo blog,

visitarei mais vezes.

abraço,
João Paulo.

sininho disse...

O cansaço tem destas coisas... rouba-nos as palavras talvez!
Eu espero... porque o hoje é tão perto do amanhã!

Espero que tenhas descansado...
beijinho

Cèlia disse...

Però jo no em canso de llegir-te! I robo temps al temps per poder fer-ho!
Un abraço.

Paco Bailac disse...

saludos y felicidades. ¡¡que bonito blog!!


pacobailacoach.blogspot.com

Té la mà Maria - Reus disse...

Perquè sento que un no re
que em vingués de tu per l'aire
trencaria aquest voler,
que és fort, però no ho és gaire

Sobre el meu pit tu vas collir
la rosa bella,
la flor d'amor tu vas tenir
d'una donzella.
Ara que el fruit ja es colorí,
oh meravella!
pren-me per fruita i rosa a mi
i oblida a ella.

Armida Leticia disse...

Gracias por visitar mi blog, ya soy tu seguidora.

Saludos desde México.

m.Jo. disse...

Muito bonito, isso.
Parabéns.