sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

A.M.o-te

Um segredo que guardo para ti.

Por que só tu moves esta linha.

Linha ténue (in)visível à vista desarmada.

Flutuo em brisas que (sobre)vivem,

(Sobre)tudo, por ti.

Sublime, em suaves tormentas,

Abraço um sorriso gasto.

Lembrei-me que te Amo

Que te amo...





Foto: Coming Back To Life - grENDel (www.olhares.com)